Recursos

A filologia digital em discussão: novo recurso Garrettonline

Resumo: Encontra­-se em preparação, desde 2013, a edição crítico-­genética digital integral do Romanceiro de Almeida Garrett. Trata­-se de um projeto que pretende reproduzir os 99 poemas e os respetivos paratextos que compõem atualmente o corpus romancístico do poeta, após a recente integração dos materiais manuscritos oriundos da Coleção Futscher Pereira, descoberta em 2004. O estudo …

A filologia digital em discussão: novo recurso Garrettonline Read More »

Algumas notas sobre “O Sapo Negro” no âmbito da “Edição crítica das obras completas de Almeida Garrett”

Resumo: O Romanceiro é um género poético tradicional que circula desde os finais da Idade Média na memória dos povos de expressão portuguesa, galega, castelhana e catalã, difundindo-se desde então oralmente de geração em geração. Trata-se, portanto, de um património imaterial de uma vitalidade excecional e de uma riqueza ímpar que importa preservar. O presente …

Algumas notas sobre “O Sapo Negro” no âmbito da “Edição crítica das obras completas de Almeida Garrett” Read More »

Nuevas perspectivas para un viejo problema: la edición crítica del romancero de fuente tradicional

Resumo: O Romanceiro é um género poético tradicional que circula desde os finais da Idade Média na memória dos povos de expressão portuguesa, galega, castelhana e catalã, difundindo-se desde então oralmente de geração em geração. Trata-se, portanto, de um património imaterial de uma vitalidade excecional e de uma riqueza ímpar que importa preservar. O presente …

Nuevas perspectivas para un viejo problema: la edición crítica del romancero de fuente tradicional Read More »

Os primeiros romances religiosos portugueses dende a Tradição Oral Moderna: uma colecção desconhecida

Resumo: Almeida Garrett (1799-1854) foi o mais famoso dos escritores do Romantismo português. Mas foi também o pioneiro, no interior das fronteiras ibéricas, a dedicar-se à recolha dos romances orais tradicionais. Contudo, nos três volumes do Romanceiro (publicados em 1843 e 1851) – onde edita uma importante parte dos romances da tradição oral que compilou …

Os primeiros romances religiosos portugueses dende a Tradição Oral Moderna: uma colecção desconhecida Read More »

As contaminações no “Conde Claros em hábito de frade” português

Resumo: Sendo a tradição portuguesa particularmente fértil em versões contaminadas do romance Conde Claros em hábito de frade, e sabendo que o conjunto de temas contaminadores é considerável num tema tão abundantemente recolhido, tem como propósito o presente estudo descrever o comportamento das contaminações no seio deste romance. Numa primeira instância, e obedecendo a pressupostos diacrónicos …

As contaminações no “Conde Claros em hábito de frade” português Read More »

rfwbs-slide